Desastre cinematográfico?  Mark Ruffalo estrela um dos piores filmes de todos os tempos

Quantas vezes nos deparamos filmes que nos deixam perplexos com a falta de qualidade? Parece que há uma infinidade de produções que, apesar dos seus melhores esforços, simplesmente não conseguem cativar o público.

Porém, quando a própria protagonista de um filme expressa seu descontentamento com a obra, isso levanta questões ainda mais intrigantes.

Afinal, se mesmo aqueles diretamente envolvidos na criação do filme não conseguem encontrar mérito nele, o que isso diz sobre a qualidade da produção?

Estamos falando de ‘Flying High’ que é uma comédia romântica lançada em 2003 dirigida por Bruno Barreto e estrelada por Gwyneth Paltrow e Marcos Ruffalo (Hulk e Marvel).

A trama gira em torno de Donna, uma comissária de bordo interpretada por Paltrow, que se apaixona por um homem rico, interpretado por Ruffalo.

A história aborda os desafios enfrentados pelo casal devido às diferenças sociais e culturais, enquanto tentam navegar pelos altos e baixos do relacionamento.

Atriz Gwyneth Paltrow, protagonista de ‘Flying High’ – Imagem: Café com filme/Reprodução

Problemas de lançamento

Curiosamente, ‘Flying High’ estava originalmente previsto para ser lançado em 2001, mas devido aos trágicos acontecimentos do ataque às Torres Gêmeas, o estúdio decidiu adiar o lançamento.

O clima delicado que se seguiu aos ataques fez com que o estúdio reconsiderasse a conveniência de lançar um filme centrado em aviões naquela época, por isso o lançamento foi adiado para 2003.

Porém, mesmo com o adiamento, o filme não conseguiu chegar ao sucesso esperado. Na verdade, foi um fracasso de bilheteria. A receita não foi suficiente para cobrir os elevados custos de produção, estimados em cerca de US$ 30 milhões.

Além disso, as críticas não foram favoráveis. Revise sites como Tomates podres hoje conferem ao filme uma avaliação positiva de apenas 14%, destacando sua recepção negativa entre telespectadores e críticos.

A protagonista que odiava seu próprio filme

Mas talvez o golpe mais duro no filme seja a própria aversão do protagonista.

Gwyneth Paltrow expressou seu constrangimento em relação ao filme em entrevista ao Entretenimento semanalonde declarou que considera ‘Voando alto‘o pior de todos os tempos.

Sua avaliação franca reflete o sentimento de insatisfação em relação ao projeto, deixando claro que mesmo os envolvidos na produção não ficaram satisfeitos com o resultado.

Assim, ‘Flying High’ é lembrado não apenas como um filme que não obteve sucesso comercial, mas também como um projeto que não conseguiu alcançar tanto público como seus próprios protagonistas.

Fuente