ctv-qy5-1644747922243

“DIA DOS VALENTIM, O TRIUNFO DO AMOR”

No dia 14 de fevereiro comemoramos o Dia dos Namorados. Uma data especial em que se destaca a importância do amor e da amizade. Este feriado assimilado pela Igreja Católica remonta ao século III em Roma. Um jovem padre chamado Valentim opôs-se à ordem do imperador Cláudio II, apelidado de ‘O Gótico’, que decidiu proibir o casamento de soldados por considerá-lo incompatível com a carreira militar, assumindo que aqueles que não tinham laços ou laços sentimentais eram melhores guerreiros. Apesar do mandato do imperador, Valentim passou a celebrar secretamente esses casamentos, tornando-se assim o defensor dos amantes.

Sabendo destes fatos, o imperador Cláudio II condenou o jovem sacerdote à morte e ordenou a sua decapitação em 14 de fevereiro de 270, alegando desobediência e rebelião. O Papa Gelásio I, procurando de alguma forma eliminar as celebrações lupercais, incluiu esta festa no novo calendário gregoriano em louvor à nobre vida do jovem sacerdote. A primeira celebração ocorreu em 14 de fevereiro de 494. O Papa Paulo IV deixou de celebrar esta data e foi durante o Concílio Vaticano II que este feriado foi eliminado do calendário litúrgico. Na Idade Média, o Dia dos Namorados seria imbuído do sentimento do amor cortês, aludindo ao deus romano Cupido em todas as suas manifestações.

Este dia é comemorado em muitos países europeus como Espanha, França, Bélgica ou Áustria, entre outros. Na Finlândia e na Estónia, o Dia dos Namorados é a data preferida para casar. Na Dinamarca e na Noruega, continua a tradição de oferecer poemas com belas rimas que os homens enviam anonimamente às mulheres. Curiosamente, na Inglaterra costuma-se colocar cinco folhas de louro no travesseiro para atrair o amor.

Na América Latina, países como Chile, Cuba, Equador, República Dominicana ou Uruguai, os presentes mais comuns são flores, chocolates ou dedicatórias amorosas. Em Cuba, até caixas de correio são instaladas para depositar cartas de amor. Em Porto Rico, além de comemorar o triunfo do amor, é o dia da amizade, por isso é comum a troca de presentes entre amigos. No Peru costuma-se dar chocolates feitos especialmente para a ocasião, além de orquídeas, que são consideradas, junto com a poesia, os presentes mais preciosos.

Seja como exaltação do amor ou da amizade, é um dia ideal para celebrar o carinho. Feliz Dia dos Namorados, meus queridos amigos!



Fuente