imposto de Renda

imposto de Renda
Prazo para declaração do Imposto de Renda 2024 começa em 15 de março; programas serão lançados no mesmo dia (Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O período de declaração para o Imposto de Renda em 2024 Começará em 15 de março e durará até 31 de maio. A Receita Federal espera receber cerca de 43 milhões de declarações este ano.

O acesso para download dos programas do IRPF 2024 também será liberado no dia 15 e está disponível no site da Receita: https://www.gov.br/receitafederal/pt-br/centrais-de-conteudo/download/pgd/dirpf.

Desde o IRPF 2020, com exceção da versão “multiplataforma (zip)”, o Java já vem integrado. Em outras palavras, não há necessidade de instalá-lo ou atualizá-lo separadamente.

Para instalar o programa “multiplataforma” ou programas de anos anteriores, o contribuinte deverá manter a versão da Java Virtual Machine (JVM) atualizada em seu computador.

Vale lembrar que a declaração também pode ser preenchida online, via e-CAC, sem a necessidade de baixar ou instalar nenhum programa. Os contribuintes também podem fazer a declaração por meio do aplicativo Meu Imposto de Renda, disponível para celulares e tablets.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Imposto de Renda 2024: o que muda na declaração deste ano?

A Receita Federal divulgou, nesta quarta-feira (6), o regras para declaração fazer Imposto de Renda 2024. A entrevista coletiva foi realizada por José Carlos Fonseca, auditor fiscal e supervisor de RI da agência.

Como efeito de Lei 14.663assinado no ano passado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silvacontribuintes que tiveram renda total anual de até R$ 24.511,92, em 2023, ficará isenta pagar Imposto de Renda. A lei, no entanto, não impactou o limites de dedução.

Os limites de até R$ 2.275,08 por dependentee até R$ 3.561,50 para despesas com educação. Qualquer um que escolher declaração simplificada terá desconto limitado a até R$ 16.754,34.

Quem optar por pagar o que deve ao Leão em parcela única poderá fazê-lo até 31 de maio.

Muitos reembolsos

  • Primeiro lote: 31 de maio
  • Segundo lote: 30 de junho
  • Terceiro lote: 31 de julho
  • Quarto lote: 30 de agosto
  • Quinto e último lote: 30 de setembro

Fonte